Metas em um projeto de ERP para uma empresa de manufatura


Warning: A non-numeric value encountered in /home4/methosc/public_html/blog/wp-content/themes/epico/inc/reading-time.php on line 29

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

 

Planejamento de recursos empresariais é a integração de várias funções corporativas utilizando tecnologia de informação. O principal objetivo da Methos no planejamento e implantação de um pequeno ou grande projeto de ERP é controlar as atividades da cadeia de suprimentos da compra de estoque para processamento e expedição final para os clientes. Esta visão integrada dos dados da empresa pode melhorar o compartilhamento de informações e colaboração através dos limites funcionais e corporativos.

 

Eficiência

Uma empresa de fabricação pode usar um ERP para tornar seus processos internos mais eficientes. O fluxo de informações em tempo real nesses sistemas simplifica a coleta de dados, análise e relatórios, o que melhora a tomada de decisão. O ERP otimiza o planejamento de demanda, reabastecimento de estoque e funções de programação de produção, reduzindo a necessidade de manutenção de vários bancos de dados e sistemas de comunicação distintos. A Racionalização das funções de fabricação também reduz a possibilidade de atrasos na produção porque a administração pode fazer ajustes quase em tempo real. Por exemplo, se há um gargalo nas instalações de um fornecedor de produção, a gestão vai saber sobre isso quase que imediatamente e começar a fazer planos alternativos, como a ordenação de um fornecedor de backup, reprogramação de produção e operações de montagem, e informar os clientes de possíveis atrasos.

 

Redução de Custos

A redução de custos é uma das principais razões por que pequenas e grandes empresas investem muito tempo e dinheiro na implementação de sistemas ERP. Processos eficientes são o primeiro passo para a redução de resíduos e aumento da produtividade, o que geralmente conduz a custos de produção reduzidos. Processos de design aerodinâmicos significam menos retrabalho, o que também reduz os custos. Melhorar os sistemas de previsão de vendas, leva a gestão de estoque a um nível melhorado ao longo da cadeia de abastecimento. Por exemplo, se um fornecedor de peças sabe quando cada um de seus clientes precisa de suprimentos, ele pode planejar sua produção e deslocar-se para fabricar apenas o suficiente para preencher a demanda, e ele não vai ter que carregar excesso ou não ter peças suficientes para preencher a demanda do cliente.

 

Qualidade

A melhoria da qualidade é uma meta importante do ERP. O software torna mais fácil detectar e corrigir defeitos em produtos acabados e problemas no processo de fabricação. Melhorias de qualidade geralmente levam a maior satisfação dos clientes, o que aumenta a retenção de clientes e rentabilidade das empresas.

 

Rentabilidade

Processos eficientes, redução de custos e melhorias de qualidade geralmente levam a maiores margens de lucro. Qualidade agrega valor a uma marca, o que impulsiona o crescimento de quota de mercado. Planejamento de demanda integrado, controle de estoque e relatórios financeiros, permitem a gestão antecipar mudanças nos hábitos de compra dos clientes e fazer os ajustes necessários para manter as margens de lucro.

 

Descentralização

Sistemas de Gestão Empresarial podem descentralizar a tomada de decisões porque os gerentes de todos os níveis têm acesso em tempo real aos mesmos dados, tal como resumos de status de produção e relatórios financeiros. Gerentes de nível médio e até mesmo supervisores podem tomar decisões operacionais, como solicitar estoque adicional ou alterar o cronograma de produção. Fonte: finslab.com

 

Otimize sua empresa com as soluções Methos. Entre em contato conosco.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

1 comentário

  1. Luis Fernando

    Investimento em tecnologia e gestão gera crescimento sustentável e resultados no longo prazo!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *